sábado, 29 de outubro de 2011

ELA, O QUER ...

...lançou o olhar para o sujeito segurando firme a atenção da queles olhinhos de Jabuticaba camuflados em segredos.
Apertou os dentes contra o lábio tatuando a marca dos caninos quanto que escapa um leve sorriso de mistério.
Roçando as pontas dos dedos em um dos mamilos, levando a boca o dedo para depois rodopiar o contorno do mamilo suavimente e só então apertar com firmeza, fazendo o sujeito sobressaltar num "huummmm" prolongado de dor, prazer, talvez um misto de ambos.
Pronuncia palavras descabiveis; mas que eleva o ego do sujeito, entorpecendo-lhe como droga.
O balançar das mechas de sedosos fios negros caídos aos ombros nus é como serpentes a lhe hipnotizar; 
Em ritimo de ondas arrebentando-se contra o paredão de desejos e  se desfazendo em espumas no corpo molhado do sujeito. 
Sujeito este; afoito, dotado de charme, faminto e guloso.
Ela gosta assim; Um tanto patife, cafa, quase vulgar, meio insano mas com um tempero gostoso.
Não peça,
Não a questione,
Não imponha = disponha-se!

Ela é assim;  uma Deusa ou, até mesmo uma Santa até enquanto lhe convém, mas  a que reina é megera,víbora, insana, totalmente desvairada, meretriz, messalina, mulher-dama, bicho no cio...Ela o quer assim; como um animal na relva, abocanhando-lhe, devorando-o de jeito.
O que ela quer é você, e não adianta se esconder, pois ela lhe encontrará sentindo o seu aroma de medo e desejo. 

sábado, 22 de outubro de 2011

SIMPLIFICANDO - SER IDIOTA MESMO

 Fingir-se de inocente pois...
Mesmo sabendo que aquele sujeito gostoso e tesudo que acabou de foder com você, só estava afim de relaxar a tensão tendo talvez o segundo ou quinto orgarmo do dia, (é claro que todos não foram com você) não estar tão afim de você.
Que mesmo que ele ligue no dia seguinte, uma semana depois, porque estar com pouca vontade de sair a caça por aí, vai achar que ele gosta um pouquinho de você por querer te ver e repetir outra foda.
Quando ele vestir a roupa e sair pela a porta, será apenas mais "uma" vaga lembrança de sabe-se-sei-lá-o-que.
Mesmo sabendo que foi o prato mais barato do dia para ele, vai se sentir leve e pensantiva sorrindo sozinha pelo os cantos.
Vai ousar se permitir que os pensamentos nele comece a tomar forma, e vai se iludir novamente por nada.
Insiste que a falta de sinais; telefonemas,torpedinhos,emails,encontros atrasados é tudo por falta de tempo, são imprevisto, mas a qualquer momento ele vai ligar e dizer exatamente o que você tenciona ouvir.
O pior não é a falta de ausência e sim o martelar do pensar, que ele está fazendo com outra o mesmo que com você fez!
A inquietude da espera lhe provoca ansiedades de mau humor, e muito quando enfim ressurgir, você sabe o porque dele bater a sua porta, buscando alimento fácil, não que você seja FÁCIL, e sim que ele já conhece o terreno mais proximo.
Mas... como dizia o meu velho Amigo Simão: é da ilusão que tiramos o remédio da vida; ou suicidamos no fim do dia!

domingo, 16 de outubro de 2011

SE...

...me ver por aí; finja que não me conhece
...disface a tua surpresa estampada no olhar
...cante alto para não ouvir o martelar do teu pensar...

Diga para o seu coração que está bem melhor assim sem mim
Por que eu não vou mais voltar para o teu altar.

...Mas acabo sempre voltando para o teu corpo, 
pois eu não me convenço que consigo viver sem o teu sabor!
 
" JARDINEIRO DISTRAÍDO"

domingo, 9 de outubro de 2011

domingo, 2 de outubro de 2011

GARIMPANDO NA LAMA


Depois que a tempestade acalmou-se, resolvi encarar o lamaçal com meu belo par de scarpin
Ao atrevessa a rua, pisei na calçada e o pé derrapou violentamente no molhado.
Me estatalei na lama, caindo de quatro, pobre salto o meu....
O moço que vinha faceiro com seu guarda chuva negro veio me socorrer!
Sai manquitola, encharcada mas, curiosa em ser garimpada por um sujeito que mais parecia ter saído das paginas rabiscadas dos DESEJOS meus.
D- Deus da tempestade, após três dias ao seu lado no mais completo mar de luxúrias, ele se foi e em seu lugar;  despencou torrentes de agua em minha cabeça.